Clicky
Marca do Crea-AP para impressão
Disponível em <https://creaap.org.br/noticia_antiga_1154/>.
Acesso em 04/10/2022 às 10h26.

II Camaer tem início em Belém com apoio da Mútua

14 de setembro de 2016, às 15h37 - Tempo de leitura aproximado: 1 minuto


II Congresso Amazônico de Meio Ambiente e Energias Renováveis acontece até dia 16 em Belém


Teve início na segunda-feira (12), na Universidade Federal Rural da Amazônia, Campus Belém-PA, o II Congresso Amazônico de Meio Ambiente e Energias Renováveis (II CAMAER). Se estendendo até a próxima sexta (16), o Congresso conta com apoio da Mútua-PA, que mantém de estande no evento para apresentação de seus benefícios, convênios e atividades, além da prestação de atendimento a sócios e cadastro de novos associados.


Estande da Mútua presta atendimento a participantes do evento


O Congresso apresentará temáticas de caráter acadêmico, técnico-científico e social voltado para as vertentes ambientais e as possíveis soluções de problemas e dilemas acerca da Engenharia e o potencial energético. De acordo com a vice-presidente do II Camaer, eng. amb.e de Energias Renováveis Thais Gleice Martins Braga, o objetivo do evento é fomentar a interação científica com a sociedade e empresas através de apresentação de trabalhos sob a forma de comunicações orais e painéis.

 

Para a organização do evento, pela sua proposta, o II CAMAER será pleno de oportunidades de discussão e aprofundamento pautado na extensão universitária, buscando contribuir para o crescimento cientifico da região amazônica, assim como na solução de problemas ambientais que envolvem tal região.

 

Também serão oferecidos no Congresso minicursos, mesas redondas e palestras, além de discussões técnico-cientifica distribuídas por áreas temáticas. A Mútua, como parceira, proporciona aos visitantes do evento, além do estande próprio, a I Exposição de Meio Ambiente e Tecnologia da Amazônia – ExporAmbTec, onde os participantes poderão conhecer as experiências e tecnologias desenvolvidas e utilizadas na região.

 

 

 

Fonte: Gecom/Mútua