Clicky
Marca do Crea-AP para impressão
Disponível em <https://creaap.org.br/noticia_antiga_175/>.
Acesso em 26/11/2022 às 12h16.

Segunda etapa da PFI Rural no Médio Oeste será na próxima semana

22 de junho de 2006, às 0h00 - Tempo de leitura aproximado: 1 minuto

A segunda etapa da Fiscalização Preventiva Integrada Rural (FPI/Rural) no Médio Oeste será realizada na próxima semana. As atividades serão realizadas no período de 26 de junho a 1º de julho, abrangendo nove municípios da região. A operação visa detectar o uso indiscriminado de agrotóxicos no campo e a contaminação dos lençóis freáticos.

A equipe de fiscalização ficará baseada em Mossoró e no decorrer da semana estará com as FPIs nos municípios de Apodi, Caraúbas, Campo Grande, Patu, Rafael Godeiro, Itaú, Messias Targino e Janduís. Segundo do gerente de Fiscalização do CREA/RN, Luiz Carlos Madruga, o objetivo desta FPI é inspecionar a utilização dos agrotóxicos pelos produtores rurais, que vem acontecendo maior controle técnico, podendo causar danos graves no meio ambiente.

Na FPI realizada dias atrás no Alto Oeste foram detectados resíduos de agrotóxicos na água de reservatórios e lençóis freáticos da região. Os técnicos da FPI além de vistorias as áreas, e esclarecem os produtores sobre a necessidade da orientação de um profissional sobre o uso, a condução e a aplicação correta dos agrotóxicos nas lavouras. “Foi observado que a grande parte dos agricultores não recebem orientação técnicas, não usam equipamento de proteção, o que é um risco para a natureza e o ser humano”, comenta Luiz Carlos.

A fiscalização está sendo coordenada pelo Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Rio Grande do Norte (CREA/RN) numa parceria que envolve órgãos como o Idema, IGARN, Emater, Dnocs, Funasa, DRT/RN, e a Promotoria do Meio Ambiente, entre outros.