Clicky
Marca do Crea-AP para impressão
Disponível em <https://creaap.org.br/noticia_antiga_466/>.
Acesso em 02/12/2022 às 14h21.

Rio Grande do Norte terá mais três unidades do Cefet

4 de setembro de 2007, às 9h20 - Tempo de leitura aproximado: 1 minuto

O Ministério da Educação (MEC) divulgou no dia 31 a viabilização da primeira fase do Plano de Expansão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. Das seis novas unidades do Centro Federal de Educação Tecnológica (CEFET) pleiteadas pelo RN para serem implantadas até 2010, três terão suas obras iniciadas em janeiro do próximo ano: Pau dos Ferros, Macau e Apodi.

As unidades de João Câmara e Santa Cruz estão previstas para 2009, e em 2010 será a vez de Caicó. \\\”O Rio Grande do Norte mais uma vez é privilegiado dentro do plano de expansão da rede de escolas técnicas. Fico feliz, como professora, de estar contribuindo com esta luta, juntamente com os companheiros Getúlio Marques e Francisco das Chagas, que desenvolvem um excelente trabalho no Mec\\\”, disse a deputada federal Fátima Bezerra (PT/RN). Foi ela a autora da proposta de implantação de novos Centros Federais de Educação Profissional e Tecnológica no RN.
No primeiro mandato do presidente Lula, o Rio Grande do Norte ganhou três novos Cefets, instalados em Ipanguaçu, Currais Novos e Zona Norte de Natal. Prevista no Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE), a expansão da rede de escolas técnicas beneficiará 150 cidades já definidas até 2010. Nesta primeira fase, 70 municípios terão suas obras iniciadas já em janeiro do próximo ano, realizarão concursos para admissão de pessoal no primeiro semestre e iniciarão suas aulas em agosto de 2008.

Os municípios apresentaram contrapartidas ao MEC, que exigiu apenas a doação do terreno. Na seqüência, especialistas em diversas áreas analisaram as propostas e criaram um ranking por Estado para definir o cronograma de implantação. A partir da segunda-feira, dia 3, as prefeituras terão 120 dias para discutir as áreas nas quais serão oferecidos cursos e concretizar as propostas.

Os novos Cefets terão, em média, raio de abrangência de 50 quilômetros e vão oferecer, no início, pelo menos cinco cursos técnicos de nível médio. As áreas dos cursos serão discutidas com a comunidade em audiências públicas. Com inaugurações previstas para o primeiro semestre de 2008, as novas unidades já deverão ter aulas em agosto.