Clicky
Marca do Crea-AP para impressão
Disponível em <https://creaap.org.br/noticia_antiga_812/>.
Acesso em 29/06/2022 às 12h18.

CONFEA INICIA TREINAMENTO DE ELABORAÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DO PRODAFISC

13 de março de 2009, às 10h25 - Tempo de leitura aproximado: 2 minutos

Teve início, ontem (12), o I Treinamento de Elaboração e Prestação de Contas do Programa de Desenvolvimento e Aperfeiçoamento da Fiscalização dos Creas (Prodafisc). Instituído pela Resolução nº 1017/2006, o Programa visa melhorar a eficiência e eficácia das ações de verificação e fiscalização do exercício e das atividades das profissões abrangidas pelo Sistema Confea/Crea.

Representando o presidente do Confea, o diretor do Conselho, eng. têxtil Modesto Ferreira dos Santos Filho, abriu o evento e afirmou: “o objetivo é que, ao término do treinamento, haja um nivelamento e que, no futuro, sejam eliminados todos os problemas anteriormente detectados na execução do Prodafisc, tanto no Federal quanto nos Regionais”.

A Comissão de Organização, Normas e Procedimentos (Conp) é a responsável por encaminhar ao plenário os processos referentes ao Prodafisc. Sendo assim, a coordenadora da Comissão, arq. urb. Ana Karine Batista de Sousa, fez a apresentação inicial acerca do Programa. Primeiramente, afirmou que o Confea tem notado alguns problemas na apresentação e execução dos projetos e “a intenção é minimizar esses problemas”. Segundo ela, “realizar esse encontro na primeira quinzena do mês de março pode viabilizar alguns ajustes até a data-limite de entrega dos projetos, em 30 de março”.

De acordo com Ana Karine Sousa, o Programa teve um acréscimo de 30% nos recursos disponibilizados, passando de R$2,5 milhões, em 2008, para R$3,3 milhões, em 2009. A destinação destes recursos para os Creas varia de acordo com a necessidade de cada Regional, calculada em função da sua participação na receita do Confea. “Quanto maior a participação, menos recursos deverá receber”, explica.

Ainda durante a manhã, Tatini Brandi Ribeiro, da Superintendência de Programas e Projetos, setor responsável por todo o portfólio de projetos no órgão, fez uma breve apresentação sobre a Resolução 1.017/06. Renato da Costa Oliveira, da Assessoria de Planejamento (APLA), continuou a apresentação, falando sobre a montagem e elaboração de projetos; os maiores erros detectados na análise da APLA; e a função do setor no processo. Segundo ele, “o cumprimento do que estabelece a Resolução 1017/2006 e seu anexo, garante um projeto montado com coerência e, consequentemente, acarreta menos erros e facilita o trâmite no Confea.”

O treinamento contou com a participação de dois representantes de cada Crea, entre gestores e responsáveis pela execução ou fiscalização dos projetos. Para a coordenadora da Conp, Ana Karine Sousa, os participantes “são peças fundamentais dentro dos regionais para que esse trabalho aconteça ao longo de 2009 de forma mais ágil e eficaz”. Na tarde de hoje, ainda haverá palestras sobre a tramitação do processo nas Gerências Financeiras e de Relações Institucionais, Procuradoria Jurídica, Auditoria e Comissão de Controle e Sustentabilidade do Sistema. No segundo dia do evento, serão apresentados estudos de caso e realizado workshop buscando o alinhamento dos documentos que serão encaminhados pelos Creas ao Confea.

Fonte: Tânia Carolina Machado – Equipe de Comunicação do Confea