Clicky
Marca do Crea-AP para impressão
Disponível em <https://creaap.org.br/podcast-confea-crea-em-acao-estreia-nas-plataformas-digitais/>.
Acesso em 24/06/2022 às 18h44.

Podcast Confea/Crea em Ação estreia nas plataformas digitais

Pelo Deezer e Spotify, mídia apresenta atividades e posicionamentos das lideranças do Sistema sobre temas atuais

15 de fevereiro de 2022, às 19h22 - Tempo de leitura aproximado: 3 minutos

Um bate-papo franco sobre a igualdade de gênero na Engenharia, na Agronomia e nas Geociências com a coordenadora do Comitê Gestor do Programa Mulher do Crea-SP, eng. civ. Poliana Siqueira, na esteira das diversas notas de repúdio, como as do Programa Mulher do Confea e do próprio Crea-SP, em reação ao vídeo que associava às profissionais o desmoronamento na obra da linha 6 do metrô de São Paulo, em 1º de fevereiro. A reunião dos Creas da Região Sul, durante o Show Agro Coopavel. Um giro por atividades dos regionais e ainda as perspectivas e desafios para a engenharia em 2022. Esses são alguns dos temas lançados pelo podcast Confea/Crea em Ação, nova mídia que o Confea disponibiliza semanalmente nas plataformas Spotify e Deezer.

Apresentado pelos jornalistas Estevão Damázio e Paulo Gusmão, o Podcast traz depoimentos como os dos presidentes dos Creas Tocantins, eng. civ. Daniel Iglesias; Rio Grande do Norte, eng. civ. Ana Adalgisa; Rio de Janeiro, eng. eletric. Luiz Cosenza; Alagoas, eng. civ. Rosa Tenório, e eng. civ. Lamartine Moreira, do Crea-GO, em que projetaram as perspectivas dos profissionais e empresas do Sistema para o ano. “Em 2021, tivemos um crescimento de 20% no registro de profissionais e na participação efetiva no dia a dia, tendo voz e sendo ouvido”, disse Daniel. “A gente espera que possa retomar ao trabalho presencial e, acima de tudo, uma aproximação com os profissionais e a sociedade”, comentou a presidente do Crea-RN.

Já Luiz Cosenza considera que há uma melhora no número de profissionais e empresas regularizando sua situação. “Isso mostra que está havendo uma quantidade de obras boas com editais etc. Espero que 2022 seja até melhor que 2021”. Enquanto Rosa Tenório, do Crea-AL, aponta a agenda de cursos de capacitação para os profissionais e a ampliação da participação feminina no Regional como elementos para uma boa perspectiva. “Em 2022, o Crea-AL vai alavancar ainda mais com ações visando ao fortalecimento do conselho e, especialmente, abrindo espaço para os nossos profissionais”. Por sua vez, Lamartine Moreira (Crea-GO) ressaltou o contato com os profissionais, explicando que visitou seis inspetorias, “levando nosso conhecimento do que o Crea faz por eles”.

Presença feminina e agenda dos Creas
Na visão da coordenadora do Programa Mulher do Crea-SP, a engenharia ainda é um mundo muito masculino. “É um mundo muito machista. A gente sofre muitos preconceitos”, lamentou. Segundo Poliana Siqueira, esse cenário é presente em todas as engenharias. “Áreas como engenharia química e ambiental aceitam mais as mulheres. Mas na Engenharia Civil, na Engenharia Mecânica e Engenharia Elétrica é menor essa participação. Quando me formei, tinha 7 mulheres entre 70 homens se formando. Mas está crescendo, vamos chegar lá”, diz a engenheira civil, em entrevista ao Podcast Confea/Crea em Ação.

Com desenvoltura, ela comenta que os colegas dizem ainda que não há lugar mulher na engenharia porque as mulheres não têm força física para aguentar peso. “Realmente, isso é verdade, mas em termos de capacitação, a mulher é preparada igualzinho ao homem. Somos detalhistas, focadas”, disse, sugerindo a união entre os gêneros para implementar projetos. “A gente também sabe liderar. Está na hora de mostrar que chega de aceitar piadinhas. Eu também gosto de conversar, mas sou uma profissional como homem e como mulher. Nós estamos batalhando. Esse vídeo que nós repudiamos, depois de tantas lutas, em pleno século XXI, é muito triste”, considerou Poliana, comentando ainda os projetos do Crea-SP para o ano.

Em seus 21 minutos, o Podcast Confea/Crea em Ação traz ainda detalhes da reunião do Crea-Sul, durante o Show Agro Coopave, em Cascavel (PR), de 7 a 11 de fevereiro, e uma breve agenda de atividades dos Regionais, citando eventos relacionados aos regionais de São Paulo, parceria do Crea-SP com o Projeto Poupa Tempo, do governo estadual, e Crea-MG, blitz de fiscalização em Pirapora e Alfenas. Em relação ao Crea-Sul, a gerente do Departamento de Fiscalização do Crea-PR, eng. amb. Mariana Maranhão, apresentou os resultados da operação Hotel + Seguro, ação conjunta entre os regionais, de 1º a 15 de dezembro do ano passado.

Henrique Nunes
Equipe de Comunicação do Confea